21
Abr
11

fotos jake

21
Abr
11

V Torneio FPA
Prova: 3.000m rasos
Categoria: Menor
Tipo de Prova: Pista

Classificação
1- Lucas Mesquita (Equipe Luasa)- 9:18:87

2-Raphael Magalhaes Moura (Sesi- SP)-9:38:15

3-Marcos Henrique Brandão (ACBD) Rio Claro-9:38:97

21
Abr
11

Circuito Bradesco

No dia 17 de abril, ocorreu em Marilia a primeira etapa do Circuito Bradesco e mais uma vez a Equipe Luasa entrou no pódio, tendo como campeão a atleta Nelly do Kenia

21
Abr
11

Meia Maratona da Ponte no Rio de Janeiro

No dia 17 de Abril, aconteceu a meia Maratona da Ponte, onde a equipe Luasa teve no podio como vice campeão Jackeline suma

21
Abr
11

Meia Maratona da Corpore em São Paulo

Na meia Maratona da Corpore, a equipe Luasa teve grande exito:

Meia Maratona da Corpore

21
Abr
11

Meia Maratona Internacional de Brasilia

Na meia Maratona de Brasilia no dia 10, tivemos 6 representantes da Equipe Luasa:
Classificações
Masculino:
Kipkemei Mutai- segundo
Edwim- sexto
James- sétimo

Feminino:
Jackeline- Campeã
Nelly- Vice Campeã
Ednah- Terceira

20
Abr
11

Faça a sua pergunta:

Mande suas duvidas sobre corrida, alimentação e condicionamento físico, que faremos o possivel para responder.
Esperamos por vocês!

17
Nov
10

14ª edição da Prova Pedestre “Bar do Mané” em quaratinqueta  aconteceu na manhã do último domingo, 14 de novembro de 2010 e reuniu aproximadamente 600 participantes divididos nas categorias de 10 km, 4 km adulto, 4 km para menores, caminhada e corrida infantil….Na corrida principal de 10 quilômetros a vitória foi dos atletas quenianos da Equipe Luasa sports Taubaté . nos 4k feminino estivemos tambem atletas da Luasa nas primeiras colocações e  no infantil Masxuel dos santos de 9 anos e Tays de 12 anos que correram 350metros foram campeões .

Campeões:

1) Paul Koech Kimutai Luasa sports /Taubaté 30:26
2) Gilmar Silvestre Lopes – Pe de vento         30:49
3) Gilberto Silvestre Lopes – – Pe de vento        31:01
4) Rogério Ferreira –       Pinda monhagaba          31:18
5) Marcelo José da SilvaLuasa sports /Taubaté 31:50

Campeãs:

1) Chemtai  Rionotukei –  Luasa sports /Taubaté- 36:46
2) Maria Lucia Alves Vieira –  são Paulo     37:31
3) Maria Helena de Jesus Lima –academia    37:49
4) Fernanda Raimunda Soares –  campos de jordão  38:22
5) Maria José Alves – Luasa sports /Taubaté-    38:
35

 

 

 

10
Nov
10

Corpore Entrevista Luiz Antônio dos Santos. VEJA!

Vencedor da primeira 10K Corpore São Paulo Classic em 1995, o Maratonista Olímpico e Técnico Luiz Antonio dos Santos conta um pouco de sua trajetória em uma entrevista exclusiva para a Corpore. Ele relembra como foi a acirrada disputa pelo primeiro lugar na prova, quando o atleta batalhou pela liderança passo a passo, metro a metro, com Elenilson da Silva e ambos acabaram cruzando a linha de chegada empatados, com o tempo de 0:29:24. Hoje, 16 anos após sua primeira participação na São Paulo Classic, Luiz Antonio continua envolvido com a prova, levando atletas para disputá-la.

Ainda na entrevista, o hoje treinador fala sobre a evolução do atletismo ao longo dos anos, dos desafios dos atletas brasileiros e de seu trabalho como técnico da equipe Luasa Taubaté. Acompanhe na sequência o bate-papo:

Luiz Antonio quando atleta

Corpore: Você acompanha a 10K Corpore São Paulo Classic/ Troféu Zumbi dos Palmares desde a primeira edição, inclusive tendo sido o primeiro vencedor. Em sua opinião, o que mudou desde a primeira prova até os dias de hoje?
Luiz Antonio dos Santos: Tudo está mudado. Alguns exemplos: organização, nível de atletas e material esportivo. Com certeza tivemos muitas mudanças ao longo desses anos em que a prova está sendo realizada.
Corpore: O que você lembra daquela primeira edição da prova ?  Como foi a disputa? Você chegou empatado com outro corredor, certo?
Luiz Antonio dos Santos: Lembro-me muito bem da chegada. Vinha de trás e quando entramos no Ibirapuera, achei que poderia alcançar o primeiro colocado. Então acreditei e dei tudo que podia. Fui fechado por ele e por isso decidi ir pelo outro lado. Foi então que se deu o empate. Mas na verdade, até hoje eu tenho dúvidas com relação a isso.

Corpore: Como você vê a Corpore São Paulo Classic no calendário nacional? Quais são os pontos altos da prova, em sua opinião?
Luiz Antonio dos Santos: A Corpore São Paulo Classic hoje em dia é uma prova muito importante para o calendário brasileiro. Acredito que os pontos altos da prova são a organização e o nível de profissionalismo do evento.
Corpore: Qual conselho daria para quem vai participar pela primeira vez da prova?
Luiz Antonio dos Santos: Se o corredor for experiente e estiver treinando, a corrida é tranquila. Mas se ele não treina ou treina muito pouco, é importante procurar se orientar com um profissional da área e ter cuidado, mesmo que sejam só 10 quilômetros.
Corpore: Quais foram as provas que considera as mais marcantes da sua carreira como corredor?
Luiz Antonio dos Santos: Posso citar algumas provas nacionais e internacionais em que obtive destaque. São elas: Bi campeão em Chicago; 3.° lugar em Boston;medalha de bronze no Mundial de Atletismo; Olimpíada de Atlanta em 1996; campeão da maratona de São Paulo 1995; campeão da Meia Maratona Internacional do Rio de Janeiro 1999; entre outras.
Corpore: Quantos atletas são treinados pela Luasa Taubaté? Poderia citar alguns nomes de destaque?
Luiz Antonio dos Santos: Hoje tenho em média 15 atletas. Os destaques brasileiros são Marcelo, José Roberto, Francisco e Wiliam Salgado Gomes, mas estiveram outros que foram para clubes maiores, justamente por terem se destacado. Há, ainda, o trabalho que faço com os quenianos que trabalham comigo.
Corpore: Você se sente uma pessoa realizada em sua profissão ou ainda busca conquistas? Caso sim, quais são suas metas?

Luiz Antonio dos Santos: Como atleta acho que alcancei tudo aquilo que um atleta poderia conseguir. Já como treinador, preciso aprender muito, pois tudo muda a toda hora. Trabalhar com ser humano é muito difícil, mas quero tentar fazer um bom trabalho e tentar passar um pouco do que apreendi ao longo de minha vida.

Corpore: Qual foi o momento de maior dificuldade de sua carreira?
Luiz Antonio dos Santos: Eu posso dizer que foram dois. Quando descobri uma arritmia cardíaca e também a perda de dois irmãos e meu pai.


Corpore: Como vê o nível dos atletas brasileiros atualmente? Os atletas de ponta estão conseguindo incentivos e patrocínios suficientes para desenvolver um bom trabalho?
Luiz Antonio dos Santos: Na minha opinião, temos poucos atletas que buscam realmente crescer no atletismo. Temos muito material humano para o esporte, mas necessita ser feito um trabalho em buscar do profissionalismo. Existem algumas pessoas que poderiam somar mais, mas estão esquecidas no esporte. Quando a incentivo e patrocínio, é um pouco complicado falar sobre isto, pois é um tema muito fechado. Sabemos que tem o dinheiro, mas ele nunca vai para o atleta. Por exemplo o meu caso: estou há três anos com a Luasa, que é um trabalho meu. Não tenho patrocínio e tudo que fazemos praticamente sai do bolso e colaboração de algumas pessoas. Sou federado junto à Federação Paulista de Atletismo, pois queria fazer um trabalho com os mais jovens, mas é muito difícil. Inclusive, devo até encerrar com a Federação devido aos gastos mensais.

22
Set
10

Notícia Escolinha Luasa Taubaté/SP

Governo do Estado de São Paulo

Secretaria de Esporte, Lazer e Turismo

NESTE FINAL DE SEMANA A ATLETA DA ESCOLINHA LUASA TAUBATE ESTARA REPRESENTANDO TAUBATE  NO  XX PRÓ-ATLETISMO DO ESTADO DE SÃO PAULO QUE SERA  REALIZADO EM PIRASSUNUNGA S.P . A ATLETA THAYS GABRIELY TELES DE SOUZA  COMPETIRA REPRESENTANDO TAUBATE NAS PROVAS DE SALTO EM DISTANCIA 75 METROS E 800 METROS NA QUAL ELA FOI CAMPEÃ EM LORENA NO DIA 28-08-2010  E COM AS VITORIAS CONQUISTADA NESTE EVENTO ELA CLASSIFICOU PARA O PRO  ATLETISMO DO ESTADO DE SÃO PAULO




Outubro 2020
S T Q Q S S D
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031